Última hora

Última hora

Turquia: polícia dispersa violentamente novo protesto em Ancara

Em leitura:

Turquia: polícia dispersa violentamente novo protesto em Ancara

Tamanho do texto Aa Aa

Em Istambul e Ancara voltaram a registar-se confrontos entre manifestantes e polícia, na nona noite consecutiva de protestos contra o governo turco.

Apesar da situação permanecer calma no resto da cidade de Istambul, epicentro da contestação, no subúrbio de Gazi centenas de pessoas enfrentaram com “cocktails molotov” as forças da ordem, que responderam com canhões de água.

Na capital Ancara, a polícia antimotim dispersou violentamente cerca de cinco mil manifestantes que se tinham reunido na praça Kizilay, no centro da cidade, fazendo – segundo os media presentes no local – um uso abundante do tão criticado gás lacrimogéneo.

De acordo com as televisões turcas, vários manifestantes ficaram feridos. A carga policial ocorreu depois dos contestatários recusarem evacuar a praça e terem bloqueado o tráfego na zona.

Se o movimento de contestação não dá sinais de perder vitalidade, o governo também não parece disposto a ceder, apesar de ter adotado um tom mais conciliador.

Um dia depois do primeiro-ministro, Recep Tayyip Erdogan, ter dito estar disposto a ouvir todas as “exigências democráticas”, o partido AKP no poder rejeitou a hipótese de avançar com eleições antecipadas.