Última hora

Última hora

Edward Snowden: O 'garganta funda' do esquema orwelliano de espionagem da NSA

Em leitura:

Edward Snowden: O 'garganta funda' do esquema orwelliano de espionagem da NSA

Tamanho do texto Aa Aa

Foi o responsável pela fuga de informação que permitiu divulgar o esquema de espionagem dos Estados Unidos, que permite aceder a registos telefónicos e informáticos de particulares. Chama-se Edward Snowden, tem 29 anos, já trabalhou para a CIA e trabalhava na Agência de Segurança Nacional (NSA) norte-americana até se ter refugiado em Hong Kong.

Numa entrevista ao jornal britânico ‘The Guardian’, Snowden explica que divulgou as informações confidenciais sobre esta “máquina de vigilância em massa” para proteger “as liberdades fundamentais das pessoas”. O jovem garante que a “NSA construiu uma infraestrutura que permite intercetar quase tudo”, de chamadas telefónicas aos e-mails, passando pelas mensagens nas redes sociais, um pesadelo orwelliano tornado realidade.

O ‘Grande Irmão”, que a todos escuta, tem o nome de código PRISM. Na semana passada, os jornais ‘The Guardian’ e ‘ Washington Post’ revelaram que os serviços secretos norte-americanos monitorizaram dados de utilizadores de empresas como a Google, Facebook, Microsoft ou Skype, naquele que é o maior escândalo de espionagem desde o caso ‘wikileaks’. Snowden espera agora conseguir asilo num país que “acredite na liberdade de expressão”.