Última hora

Última hora

Cheias na Roménia agravam balanço mortal no centro da Europa

Em leitura:

Cheias na Roménia agravam balanço mortal no centro da Europa

Tamanho do texto Aa Aa

Depois das chuvas torrenciais desta terça-feira, as autoridades romenas procuram o corpo de uma criança de 3 anos, junto à localidade de Buhaeni, no nordeste do país. O tio da criança perdeu a vida nas cheias que se abateram sobre esta zona, onde dezenas de casas ficaram inundadas.

Também na parte sul da Roménia, em Pestera, inúmeras residências foram invadidas pelas águas. O estado de alerta manteve-se, esta quarta-feira, em praticamente todo o país. Aqui, o Danúbio não atingiu os níveis recorde registados na vizinha Hungria, durante a vaga de tempestades e cheias na Europa Central que provocou mais de vinte mortos.

A chanceler alemã, Angela Merkel, efetuou a sua quarta deslocação ao norte da Alemanha, assolado pelas inundações. Em Lauenburg, o rio Elba transbordou. A água subiu trinta centímetros no centro da cidade. A circulação ferroviária entre Berlim, Colónia e Frankfurt continua afetada devido ao encerramento de uma ponte na Alta Saxónia.