Última hora

Última hora

Reino Unido: Desemprego recua mas mercado laboral continua frágil

Em leitura:

Reino Unido: Desemprego recua mas mercado laboral continua frágil

Tamanho do texto Aa Aa

O mercado do trabalho no Reino Unido dá sinais de melhoria, alimentando a esperança de uma retoma da economia britânica.

Em maio, o número de pessoas com subsídios de desemprego baixou mais do que previsto. Houve menos 8600 desempregados. Trata-se da sétima queda mensal consecutiva.

No final de abril, a taxa de desemprego, calculada segundo as regras da Organização Internacional do Trabalho, manteve-se inalterada nos 7,8%, o que equivale a 2,5 milhões de desempregados.

O mercado laboral mantém-se frágil. Segundo o relatório do Instituto de Estudos fiscais, os salários reais caíram 6% desde o início da crise financeira em 2008. O organismo independente fala de uma “queda sem precedentes”

Além disso, o Reino Unido tem ainda quase um milhão de jovens com menos de 24 anos no desemprego e subiu o número de pessoas sem trabalho há mais de um ano.