Última hora

Última hora

Bruxelas quer acabar com tarifas de "roaming" em 2014

Em leitura:

Bruxelas quer acabar com tarifas de "roaming" em 2014

Tamanho do texto Aa Aa

As tarifas de “roaming” têm os dias contados. É pelo menos o que pretende a Comissão Europeia.

A ideia é que no verão de 2014, os cidadãos que se desloquem na União Europeia e usem o telemóvel não paguem mais por chamadas, mensagens e uso da internet. A decisão foi votada pela Comissão Europeia, que prepara a proposta detalhada. O documento será apresentado nas próximas semanas, a tempo das eleições europeias em maio do próximo ano.

O projeto não agrada às operadoras, que perderão receitas. Mas para a Comissão, as operadoras de telecomunicações não serão prejudicadas, já que estima que os europeus vão usar mais o telemóvel, tendo em conta que a fatura não vai criar surpresas no regresso a casa.

De acordo com fontes próximas do dossiê o grande objetivo é consolidar o setor das telecomunicações, com vista à criação do mercado único. Na Europa existem cem operadoras, enquanto nos Estados Unidos apenas quatro.

Mas enquanto não desaparece, o “roaming” fica mais barato. A partir de 1 de julho, as chamadas efetuadas baixam dos 29 para os 24 cêntimos. As recebidas custarão sete cêntimos. Baixa também o serviço de dados dos 70 para os 45 cêntimos.