Última hora

Última hora

Irão escolhe sucessor de Ahmadinejad

Em leitura:

Irão escolhe sucessor de Ahmadinejad

Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de 50 milhões de eleitores escolhem, hoje, o sucessor de Mahmoud Ahmadinejad impedido pela Constituição de concorrer a um novo mandato.

Seis candidatos estão na corrida às presidenciais iranianas : um reformista e cinco conservadores. Dois são procurados pela Interpol pelo, alegado, envolvimento no atentado em Buenos Aires, em 1994.

Das cerca de 700 candidaturas, apenas, oito foram aprovadas pelo Conselho dos Guardiões. Homens com uma característica em comum: a proximidade ao líder supremo. Dois desistiram, entretanto, a favor de outros candidatos.

A campanha eleitoral ficou marcada pela crise económica e nuclear.
Os analistas são unânimes: as eleições presidenciais desta sexta-feira não vão alterar o rumo do Irão já que as decisões de peso continuam nas mãos do Guia Supremo.

Além do chefe de Estado, os iranianos elegem, ainda, os conselheiros locais e municipais.

A segurança foi reforçada para evitar tumultos idênticos aos de 2009, altura em que milhares de pessoas contestaram nas ruas os resultados eleitorais. Quatro anos depois, os candidatos reformistas continuam em prisão domiciliária. São, por isso, muitos os que questionam a credibilidade destas presidenciais.

Os primeiros resultados devem ser conhecidos amanhã. Uma segunda volta está já prevista para a próxima sexta-feira, caso nenhum dos candidatos consiga obter mais 50 por cento dos votos.