Última hora

Em leitura:

Otimismo no Forum África


Gabão

Otimismo no Forum África

Segundo dia dos trabalhos do Forum África que levou à capital do Gabão muitos especialistas e dirigentes políticos.

A nota dominante foi o optimismo, numa economia emergente, que começa a crescer, em contraciclo com o que se passa no ocidente.

Ivor Ichikowitz, fundador e presidente executivo, do Grupo Paramount Grupo, da África do Sul, diz que o continente tem de crescer, com os seus próprios meios:

“Ao longo de muitos anos, as pessoas têm falado sobre a ascensão da África e tem sido apenas sobre o crescimento. A realidade é que os africanos têm agora a responsabilidade do seu próprio futuro. Isso é uma realidade. O facto de o mundo estar focado em África é uma prova disso”.

O mundo com os olhos postos em África.

Henri-Claude Oyma, outro executivo financeiro, aposta na juventude e nos recursos naturais:

“África tem uma grande população jovem e possui significativos recursos minerais. A partir daí, a escalada de África não é uma escolha, mas uma necessidade. Uma necessidade, porque os jovens africanos, porque os africanos de um modo geral, devem viver em África e, portanto, desenvolver significa que África deve crescer pelos seus próprios meios”.

O tradicional pessimismo acabou. África vive agora uma onda de optimismo que está a contagiar o resto do mundo, como constatou o enviado da euronews, François Chignac:

“Enquanto a Europa é atormentado por dúvidas e a sua economia está em recessão, ironicamente, é aqui, em África, que residem as esperanças. A emergente economica de África já não é só um mito, mas uma realidade. E agora são muitos os que querem cavalgar este afro-otimismo”.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Moderado Hassan Rohani lidera contagem no Irão