Última hora

Última hora

Início de reunião da FED

Em leitura:

Início de reunião da FED

Tamanho do texto Aa Aa

Será que a retoma da economia norte-americana justifica o fim ou o abrandamento do programa de estímulos? A questão está em cima da mesa na reunião da Reserva Federal (FED), liderada por Ben Bernanke. A decisão será anunciada esta quarta-feira

A maior economia do Mundo dá sinais de retoma, que justificam, pelo menos, um abrandamento do programa de estímulos. O último dos quais é a nova subida de 0,1% da inflação. Após uma longa queda, o índice de preços ao consumidor estabiliza.

Atualmente, o banco central norte-americano mantém a taxa de juro próxima de zero e compra obrigações e títulos hipotecários no valor de 85 mil milhões de dólares por mês.

Mas o desemprego, um outro fator tido em conta pela FED, é ainda elevado.