Última hora

Última hora

Equador procura solução diplomática para caso Assange

Em leitura:

Equador procura solução diplomática para caso Assange

Tamanho do texto Aa Aa

Há um ano que o fundador da Wikileaks recebe abrigo na Embaixada equatoriana em Londres. Ontem os governos do Reino Unido e Equador chegaram a acordo para criar um grupo de trabalho que proponha uma solução diplomática para o caso de Julian Assange.

O Equador concedeu asilo político a Assange em 16 de agosto de 2012, quase dois meses depois de o australiano ter se refugiado na embaixada do país para evitar sua extradição para a Suécia onde foi acusado de crimes sexuais.

O australiano teme que, caso seja mandado para a Suécia, possa ser extraditado para os Estados Unidos, onde poderia ser condenado à pena de morte ou à prisão perpétua por ter revelado documentos secretos militares e diplomáticos americanos através do WikiLeaks.