Última hora

Última hora

Moscovo garante que Snowden não está na Rússia e contesta acusações americanas

Em leitura:

Moscovo garante que Snowden não está na Rússia e contesta acusações americanas

Tamanho do texto Aa Aa

Onde está Edward Snowden, é a grande questão, depois de a Rússia ter negado que o jovem espião americano tenha atravessado a fronteira do país.

As últimas informações davam conta da sua partida de Hong Kong, ontem, num voo da Aeroflot, com destino a Moscovo, mas as autoridades russas negam a entrada no país e criticam as acusações americanas.

“Sergei Lavrov, o chefe da diplomacia russa, disse aos jornalistas:

“Ele escolheu independentemente o seu trajeto e nós tomámos conhecimento, como toda a gente, através dos media. Ele não passou a fronteira russa e as tentativas de acusar a Rússia de violação das lei americanas e de conspiração, acompanhadas de ameaças, estão agora a ser testemunhadas e são infundadas e inaceitáveis”.

A China também rejeita as acusações dos Estados Unidos de ter facilitado a fuga deste antigo membro da NASA, que se encontrava desde 20 de maio em Hong Kong A ministra chinesa dos Negócios Estrangeiros garante que as autoridades agiram de acordo com a lei.

“Consideramos estranho que alguns americanos façam este tipo de comentários. Pedimos a estas pessoas que se olhem ao espelho e que se ocupem dos seus assuntos. Nós combatemos os ciberataques a vários níveis. Esperamos que todos possam dialogar e cooperar na base da confiaça mútua e do respeito e trabalhar para um ciberespaço seguro e transparente”.

De acordo com algumas fontes, Snowden teria a intenção de seguir para o Equador, onde o presidente Rafael Correa se tinha mostrado disponível a dar-lhe asilo político, tal como tinha feito com Julien Assange.