Última hora

Última hora

Sarkozy demite-se do Conselho constitucional por causa do chumbo às contas da sua campanha presidencial

Em leitura:

Sarkozy demite-se do Conselho constitucional por causa do chumbo às contas da sua campanha presidencial

Tamanho do texto Aa Aa

Nicolas Sarkozy demitiu-se, esta quinta-feira, do Conselho constitucional francês depois de este órgão ter chumbado as contas da campanha presidencial de 2012, o que mergulha a UMP, o partido do ex-presidente, numa crise financeira profunda.

Sarkozy afirma demitir-se para “recuperar a sua liberdade de expressão”. A decisão do Conselho constitucional priva a UMP de uma subvenção de 11 milhões de euros, cerca de metade do que foi gasto nas presidenciais do ano passado em que as contas do partido conservador foram ainda minadas pela derrota nas legislativas. O Conselho constitucional chumbou as contas porque o antigo chefe de Estado ultrapassou em mais de 400 mil euros, o plafond autorizado para a campanha.