Última hora

Última hora

Vinte e Oito querem agir rapidamente contra desemprego mas não avançam medidas concretas

Em leitura:

Vinte e Oito querem agir rapidamente contra desemprego mas não avançam medidas concretas

Tamanho do texto Aa Aa

A manifestação de jovens desempregados desta quarta-feira em Berlim reflete o descontentamento com a falta de medidas concretas dos Vinte e Oito.

Reunidos na capital alemã a convite da chanceler Angela Merkel para uma conferência sobre o fomento do emprego, os líderes europeus concordaram que é preciso agir rapidamente para atacar o problema.

Mas apesar da União Europeia ter anunciado, na semana passada, seis mil milhões de euros para os próximos dois anos, não foram avançadas ontem medidas concretas. Os ministros e chefes de Estado e de governo reunidos em Berlim decidiram encontrar-se novamente no Outono, depois das legislativas alemãs.