Última hora

Última hora

Justiça egípcia ordena detenção de guia supremo da Irmandade Muçulmana

Em leitura:

Justiça egípcia ordena detenção de guia supremo da Irmandade Muçulmana

Tamanho do texto Aa Aa

A Irmandade Muçulmana e os apoiantes do presidente deposto do Egito voltam a manifestar-se e rejeitam os esforços do novo primeiro-ministro para formar um governo de transição.

A indignação dos islamitas foi reforçada pela decisão da Justiça de emitir um mandado de captura contra Mohamed Badie, guia supremo da confraria.

Um dos participantes na manifestação desta noite no Cairo para exigir o regresso de Mohamed Morsi ao poder diz que o protesto é “pacífico” e que carregam caixões simbolicamente para lembrar os que perderam a vida e os que ficaram feridos.

Para além de Badie, as autoridades ordenaram a detenção de outros altos responsáveis da Irmandade Muçulmana, acusados de incitação à violência nos confrontos que fizeram 53 mortos e 480 feridos, na segunda-feira, em frente à sede da Guarda Republicana.