Última hora

Última hora

Camião que provocou acidente mortal em Moscovo não tinha licença de circulação

Em leitura:

Camião que provocou acidente mortal em Moscovo não tinha licença de circulação

Tamanho do texto Aa Aa

Há, pelo menos, 18 mortos e 25 feridos a registar na colisão entre um camião e um autocarro que transportava várias crianças, perto de Moscovo. Havia, ao todo, cerca de 60 passageiros no veículo que foi brutalmente atingido na localidade de Oznobishin, tendo ficado partido em dois.

Segundo o vice-presidente da Câmara da capital russa, Pyotr Biryukov, o motorista do camião que levava gravilha, e que provocou o acidente, não podia estar em atividade: “A licença de circulação do veículo foi revogada há uma semana. Apesar disso, o condutor, um cidadão arménio de 46 anos, continuou a guiar. Só no último ano, ele foi multado seis vezes por violações do Código da Estrada.”

A extrema violência do impacto ficou registada num vídeo amador. Uma testemunha salienta que “não há marcas de travões. Ele nem sequer hesitou – precipitou o camião para a pista do lado.”

Não se sabe quantas crianças estão entre as vítimas. A Rússia apresenta um dos balanços mais negros, a nível mundial, em termos de segurança rodoviária. Estima-se que, todos os anos, cerca de mil crianças perdem a vida nas estradas do país.