Última hora

Última hora

Egito: violência no Sinai na véspera do anúncio do novo governo interino

Em leitura:

Egito: violência no Sinai na véspera do anúncio do novo governo interino

Tamanho do texto Aa Aa

A península do Sinai, no Egito, volta a ser palco de um atentado que provocou pelo menos três mortos e dezenas de feridos.

Um autocarro de passageiros foi alvo, em Al-Arish, de um tiro de rocket. Segundo as autoridades locais os atacantes teriam visado uma viatura de polícia antes de dispararem sobre o veículo que transportava trabalhadores de uma cimenteira.

Desde o derrube do presidente Mohamed Morsi pelo exército, no início do mês. que a região é palco de um surto de violência atribuído a grupos islamitas que já provocou mais de 13 mortos.

A formação do ex-presidente, a irmandade muçulmana, acusou ontem o exército de estar por detrás das ações.

O ataque em Al-Arish ocorre depois de Morsi e outros elementos da irmandade muçulmana começarem a ser ouvidos pelos tribunais e na véspera do anúncio do novo executivo interino liderado por Hezm a- Beblaui (previsto para terça ou quarta-feira).

O novo vice-presidente do país, Mohamed El-Baradei prestou ontem juramento com o objetivo de convocar eleições antecipadas e um referendo a uma nova constituição até ao final do ano.