Última hora

Última hora

Egito: Confrontos entre manifestantes pro-Morsi e forças da ordem

Em leitura:

Egito: Confrontos entre manifestantes pro-Morsi e forças da ordem

Tamanho do texto Aa Aa

No Cairo houve de novo, esta noite, confrontos entre os apoiantes do presidente destituído, Mohammed Morsi, e as forças da ordem.

Os manifestantes tentaram bloquear algumas ruas da capital egípcia e os militares responderam com gás lacrimogénio.

É a primeira vez na última semana que as manifestações degeneram em confrontos. O enviado norte-americano que se encontra no país apelou ao diálogo entre as duas partes.

Bill Burns reuniu-se com os membros do governo interino, mas o movimento Tamarrod, que esteve na origem da revolta contra Morsi, recusou-se a recebê-lo invocando que Washington apoia o ex-presidente.

Nas ruas, os manifestantes pro-Morsi prometem não arredar pé.

“Se o nosso pedido não for satisfeito até sexta-feira, ocuparemos o aeroporto, a estrada Mehwar, a rua Ramsés e tudo o resto”.

“Não abandonaremos as ruas nem que nos matem. Ficaremos aqui até que a legitimidade e os direitos do presidente sejam restaurados”.

O impasse mantém-se. A comunidade internacional inquieta-se. O Egito, mais dividido do que nunca, encontra-se num patamar crítico, onde todos os desfechos são possíveis.