Última hora

Última hora

OCDE prevê subida do desemprego em Portugal para 2014

Em leitura:

OCDE prevê subida do desemprego em Portugal para 2014

Tamanho do texto Aa Aa

As perspetivas de emprego nos países da OCDE, e em particular da zona euro, vão permanecer negras até ao final do próximo ano. No relatório anual publicado pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Económico prevê-se que o desemprego continue elevado em 2014 apesar da aguardada, mas fraca, retoma económica. A taxa de desemprego deve mesmo aumentar em países como a Grécia e a Espanha, com números próximos dos 30 por cento, muito acima da média da zona euro estimada em 12,3 por cento. Quanto a Portugal, prevê-se que a taxa de desemprego passe dos 17,6 por cento, registados em maio, para os 18,5 por cento.

Questionado sobre se as medidas que os países europeus estão a tomar para combater o desemprego vão na direção certa, o secretário-geral da OCDE afirmou que em princípio “sim, se se olhar para os casos de Grécia, Espanha, Portugal e Irlanda. Mas que alguns grandes países que não estão em crise deveriam apressar-se a efetuar reformas para evitar a pressão dos mercados.”

O mexicano Angel Gurría apelou no entanto aos governos para que mantenham as ajudas aos desempregados apesar da crise financeira. O secretário-geral da OCDE classificou ainda de muito preocupante o desemprego jovem que, por exemplo, em Portugal deverá ser da ordem dos 40 por cento.