Última hora

Última hora

Comandante do Costa Concórdia começa hoje a ser julgado

Em leitura:

Comandante do Costa Concórdia começa hoje a ser julgado

Tamanho do texto Aa Aa

Um ano e meio após o naufrágio do Costa Concórdia, a justiça italiana está finalmente em condições de dar início, esta quarta-feira, ao julgamento do comandante Francesco Schettino.

O julgamente esteve inicialmente previsto para 9 de julho, mas foi adiado devido à greve dos magistrados.

Francesco Schettino está acusado de homicídio involuntário dos 32 passageiros que perderam a vida no naufrágio e abandono do navio e arrisca 20 anos de prisão.

Devido ao elevado número de pessoas que se prevê assitam à audiência, o tribunal foi transferido para um teatro da cidade de Grosseto. As famílias das vítimas esperam explicações sobre a origem da tragédia e sobre os comportamentos do comandante na noite de 13 de janeiro de 2012.

Ao mesmo tempo que decorre o julgamento, as equipas técnicas fazem os últimos preparativos para tentarem endireitar o navio. O objetivo é rebocá-lo em setembro, se o estado da carcaça o permitir, mas as populações e as autoridades de Giglio temem que a movimentação do navio possa provocar uma catástrofe ecológica.