Última hora

Última hora

Marilyn Monroe a leilão

Em leitura:

Marilyn Monroe a leilão

Tamanho do texto Aa Aa

Marilyn Monroe, uma glamourosa atriz de Hollywood, modelo, símbolo sexual e um constante enigma, sempre altamente procurada pelos fotógrafos. E nenhum deles era mais próximo dela do que o fotógrafo de celebridades Milton H. Greene.

Agora, estas fotografias inéditas vão a leilão e para casa de quem der mais, por uma imagem da sereia do grande ecrã.

Joe Maddalena, Presidente “Profiles in History”: “A proximidade com ela e a intimidade que estas imagens retratam são diferentes de qualquer outra imagem de Marilyn Monroe, porque ele tinha acesso a ela num ambiente onde estava relaxada e era ela própria. Vê-se a qualidade, a grandeza e o brilho nos seu olhos que simplesmente não existe em qualquer outro fotógrafo que lhe tirou fotografias.”

Durante os quatro anos que estiveram juntos, Greene fotografou Monroe em 52 sessões fotográficas e em vários cenários. O maior licitador fica também com os direitos de autor, que estão incluídos com as imagens.

Joe Maddalena: “Os direitos de autor têm um valor separado, porque pode licenciar as imagens a uma revista, alguém que quer publicar um cartaz, fazer reproduções e vender cópias porque é dono deles, pode impedir qualquer outra entidade de vender estas impressões, porque possui os direitos. É algo poderoso, controla o destino das imagem. Ninguém pode usá-la novamente sem si. Há um potencial negócio comercial, que pode ser criado”.

Mais de 3700 negativos vão ser leiloados pela casa de leilões “Profiles in History” a 27 de julho, na Califórnia, e também on-line e por telefone. Negativos que revelam uma Marilyn Monroe num ângulo mais frágil e vulnerável…