Última hora

Última hora

Intel e IBM sofrem com recuo do mercado dos computadores pessoais

Em leitura:

Intel e IBM sofrem com recuo do mercado dos computadores pessoais

Tamanho do texto Aa Aa

A Intel e a IBM anunciaram quebras nos proveitos no segundo trimestre do ano. Os dois gigantes dos computadores pessoais (PCs) acusam a mudança das práticas dos utilizadores que adotam cada vez mais terminais móveis, como os tablets, em vez dos tradicionais PCs,

A Intel, o maior fabricante de chips para computadores pessoais, teve receitas da ordem dos 2 mil milhões de dólares entre abril e junho o que significa um recuo de 29 por cento relativamente ao trimestre precedente. Quanto à IBM registou lucros de 3,23 mil milhões de dólares, uma queda de 17 por cento.

No início do ano, a Intel tinha previsto um crescimento do mercado de PCs, mas na quarta-feira reviu em baixa as suas expectativas ao estimar uma evolução nula. O fabricante de processadores aposta agora nos mercados dos terminais móveis para compensar a quebra no setor dos PCs