Última hora

Última hora

Dubai perdoa norueguesa violada

Em leitura:

Dubai perdoa norueguesa violada

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades do Dubai concederam um perdão à jovem norueguesa que tinha sido condenada por sexo fora do casamento depois de alegadamente ter sido violada por um colega de trabalho.

Marte Dalelv, de 24 anos, aguardava uma decisão do recurso que apresentou da condenação a 16 meses de prisão por “sexo extraconjugal, perjúrio e consumo de álcool sem licença”.

Nas primeiras palavras à comunicação social após saber do perdão, a jovem norueguesa disse que vai “celebrar com os amigos e família”, que irá “receber o passaporte” de volta e que é livre de “partir” do Dubai.

A jovem foi detida em março, quando apresentou queixa por violação na polícia. Acabou por ser libertada quatro dias depois graças à pressão diplomática de Oslo e permanecia desde então sob a proteção de uma igreja norueguesa nos Emirados Árabes Unidos.