Última hora

Última hora

Negócio Telefónica-KPN pode lançar consolidação europeia do setor

Em leitura:

Negócio Telefónica-KPN pode lançar consolidação europeia do setor

Tamanho do texto Aa Aa

A compra da filial alemã da holandesa KPN pela espanhola Telefónica pode ser o pontapé de saída para a consolidação do setor das telecomunicações móveis na Europa. O negócio de 8,1 mil milhões de euros, repartidos em capital e em ações, vai dar origem ao maior operador da Alemanha em número de assinantes e ao segundo maior da Europa. A Comissão Europeia tem agora que analisar se o negócio não viola as leis da concorrência e, eventualmente, impor condições para dar o seu aval.

Os gigantes das telecomunicações móveis vão esperar ansiosamente pela resposta de Bruxelas. Como explica um analista alemão: “O setor vai ter de sofrer uma reestruturação. Os operadores têm de cortar custos por isso vão existir movimentações neste mercado nos próximos tempos” – Fidel Helmer está convencido que no final o mercado vai encolher e ter apenas um operador.

A Comissão Europeia deseja a criação de um mercado único e está disposta a mudar as regras da concorrência para reduzir o número de operadores. Atualmente existem mais de 160 no espaço da União Europeia, enquanto nos Estados Unidos existem apenas três.