Última hora

Última hora

Nazis procuram-se. Vivos. Recompensa de 25.000 €

Em leitura:

Nazis procuram-se. Vivos. Recompensa de 25.000 €

Tamanho do texto Aa Aa

É a “Campanha da Última Oportunidade”. Quase 70 anos depois do final da II Guerra Mundial, a Alemanha lançou uma campanha de ‘outdoors’ para levar a tribunal os últimos nazis ainda vivos.

‘Posters’, afixados nas principais cidades do país, prometem uma recompensa de 25.000 euros a quem dê informações que conduzam à detenção de antigos nazis.

Para Fraim Zuroff, diretor da secção de Jerusalém do Centro Simon Wiesenthal, esta campanha “é extremamente importante, porque significa que qualquer pessoa que tenha servido num campo de concentração – Demjanjuk serviu em Sobibor -, ou num Einsatzgruppen (as unidades móvel de extermínio) pode agora ser levado à justiça, na Alemanha, e se for provado que serviu lá será automaticamente condenado por, pelo menos, cumplicidade de assassinato.”

Em 2011, John Demjanjuk foi o primeiro nazi a ser condenado sem provas de crimes específicos mas pelo facto de ter servido num campo de concentração.

Nos últimos anos, a justiça alemã tem procurado ativamente os últimos nazis ainda vivos.