Última hora

Última hora

Fórmula 1: Hamilton estreia-se a vencer e Vettel reforça liderança

Em leitura:

Fórmula 1: Hamilton estreia-se a vencer e Vettel reforça liderança

Tamanho do texto Aa Aa

Lewis Hamilton disse, após conquistar a pole position no sábado, que seria um milagre vencer o Grande Prémio da Hungria por causa da alegada instabilidade dos pneus na escuderia Mercedes. A verdade é que o citado milagre aconteceu mesmo este domingo.

Partindo da primeira posição da grelha, o britânico, campeão do Mundo de Fórmula 1 em 2008, revelou-se, afinal, um excelente gestor da condição dos pneus ao longo das 70 voltas e dominou as 70 voltas ao circuito de Hungaroring, em Budapeste. Hamilton conquistou, assim, o primeiro triunfo desde que trocou no final do ano passado a McClaren, onde estava desde 2007, pela Mercedes.

Na segunda posição, este domingo, ficou Kimi Raikönnen. O finlandês da Lotus, ao mesmo tempo que tentava atacar o primeiro posto de Hamilton, conseguiu aguentar a forte pressão do alemão Sebastian Vettel, atual líder do mundial, que acabaria por fechar o pódio.

Com terceiro posto na Hungria, o tricampeão do Mundo alargou a vantagem na geral para o segundo lugar, agora ocupado por Kimi Raikönnen, que ultrapassou o Fernando Alonso na tabela – o espanhol da Ferrari foi quinto na Hungria.

Na tabela geral dos construtores, a Red Bull mantém-se líder destacada, enquanto a Mercedes reforçou a segunda posição à frente da Ferrari.