Última hora

Última hora

Israelitas e palestinianos de regresso à mesa das negociações

Em leitura:

Israelitas e palestinianos de regresso à mesa das negociações

Tamanho do texto Aa Aa

Israelitas e palestinianos voltam a sentar-se à mesma mesa, depois de três anos de impasse nas negociações de paz e mais de seis décadas de conflito.

As duas delegações, lideradas pela ministra da justiça israelita, Tzipi Livni, e pelo chefe dos negociadores palestinianos, Saeb Erekat, iniciaram, em Washington, uma nova ronda de discussões, sob os auspícios do secretário de estado norte-americano, John Kerry.

Depois de um jantar informal, as reuniões vão prosseguir esta terça-feira para acordar os temas a tratar e um calendário das discussões que deverão prolongar-se por, pelo menos, nove meses. O primeiro encontro da nova ronda negocial deverá terminar com uma conferência de imprensa prevista para as 13h00 locais (19h00 em Lisboa).

De visita ao Egito, o presidente palestiniano Mahmoud Abbas afirmou esperar um acordo que permita erradicar civis e militares israelitas dos territórios ocupados.

Israel tinha dado um primeiro passo para retomar o diálogo, ao aprovar a libertação de 104 prisioneiros palestinianos detidos antes de 1993 (data dos acordos de Oslo).

As anteriores negociações tinham sido interrompidas em 2010, face à renitência do governo israelita em suspender a construção de colonatos nos territórios palestinianos.