Última hora

Última hora

Tailândia: Maré negra ameaça meio ambiente e turismo em Koh Samet

Em leitura:

Tailândia: Maré negra ameaça meio ambiente e turismo em Koh Samet

Tamanho do texto Aa Aa

Um derrame de petróleo que ocorreu no fim-de-semana chegou à ilha de Koh Samet, na Tailândia. As operações de limpeza já estão a decorrer: equipas de emergência, apoiadas por populares tentam limpar as praias com baldes, pás e mantas absorventes
Mas teme-se que esta maré negra tenha graves efeitos no meio ambiente e afaste os turistas da ilha. O derrame foi provocado por uma fuga num pipeline a 20 quilómetros de Koh Samet: cerca de 50 mil litros de petróleo bruto foram libertados para o mar, 5 mil terão atingido a ilha.

A responsável pela Câmara de Comércio local, Anuchida Chinsiraprapa defende que “demoraram muito a reagir. Esta situação vai afetar o turismo local. Se não a resolvermos rapidamente, a indústria do turismo vai sofrer muito.”

A ilha fica a 230 quilómetros da capital Banguecoque. As autoridades temem que o petróleo que ainda está no mar chegue ao continente. Por isso, e com aviões, estão pulverizar as águas com dispersantes para tentar dissolver a maré negra.
A empresa responsável pelo pipeline, a PTT Global Chemical, pediu desculpas pelo derrame e garante que a fuga já foi controlada.