Última hora

Última hora

Berlusconi: "Estou aqui. Fico aqui. Não desisto!"

Em leitura:

Berlusconi: "Estou aqui. Fico aqui. Não desisto!"

Tamanho do texto Aa Aa

Mais de um milhar de simpatizantes concentrou-se em frente à casa de Silvio Berlusconi em Roma, onde se encontra em prisão domiciliária, para lhe manifestar apoio na sequência da condenação, na passada quinta-feira.

Perante o receio generalizado de que o Governo possa cair devido à grande tensão política provocada pela sua condenação, Berlusconi não hesitou em afirmar:

“Dissemos alto e bom som que o Governo devia prosseguir com a aprovação das medidas económicas que pedimos e acordámos. Estou aqui. Fico aqui. Não desisto!”, disse.

Apesar do tom conciliatório em relação ao governo e à maioria que o sustem, Berlusconi não poupou as críticas à magistratura judicial que o condenou a um ano de prisão por fraude fiscal.

“Digo-lhe com muito prazer que estou aqui para apoiar o nosso presidente, que é a única pessoa em Itália e talvez na Europa que atua como uma barreira contra o avanço dos “juízes vermelhos”, afirmou uma manifestante.

“Esperemos que regresse ao campo com novas caras e não com as velhas que deviam reformar-se e dar lugar a novas, mesmo no centro-direita”, disse um outro.

Esta foi a primeira aparição pública de “Il Cavaliere” desde a sua condenação, a um mês de completar 77 anos.