Última hora

Última hora

EUA aconselham saída imediata dos norte-americanos no Iémen

Em leitura:

EUA aconselham saída imediata dos norte-americanos no Iémen

Tamanho do texto Aa Aa

A Força Aérea dos Estados Unidos já começou a evacuar norte-americanos no Iémen depois do alerta dado na sexta-feira, e do reforço desse anúncio esta terça-feira, a aconselhar a imediata dos cidadãos.

O Reino Unido, que já tinha anunciado na segunda-feira o encerramento da embaixada em Sana até ao fim do mês, já retirou da representação todos os funcionários.

Com os interesses diplomáticos em África e no Médio Oriente salvaguardados, as preocupações norte-americanas centram-se num outro alvo potencial. “Estou também preocupado com o setor privado e também com os turistas americanos, porque se eles não podem atacar o alvo principal por estar demasiado fortificado, então vão tentar atacar turistas ou interesses americanos como pessoas ligadas ao setor privado”, diz Charles Allen, antigo diretor assistente da CIA.

De acordo com o New York Times, os serviços secretos americanos terão intercetado comunicações entre Ayman al Zaouahri, o chefe da Al Qaida, e Nasser al Wouhaichi, responsável da Al Qaida na Península Arábica, implantada no Iémen.