Última hora

Última hora

Coreia do Norte permite reencontros de famílias separadas pela guerra

Em leitura:

Coreia do Norte permite reencontros de famílias separadas pela guerra

Tamanho do texto Aa Aa

Depois de meses de alta tensão, as duas Coreias tentam retomar o diálogo. A Coreia do Norte vai permitir que famílias que foram separadas durante a guerra há 60 anos se reencontrem.

A proposta foi feita por Seul e Pyongyang aceitou organizar estes reencontros durante o festival de outono tradicional, que este ano acontece a 19 de setembro.

O primeiro encontro de famílias separadas deve acontecer no Monte Kumgang e o segundo, que deve ser feito por video-conferência a 4 de outubro, aniversário da cimeira inter-coreana de 2007.

Milhões de coreanos foram separados da famílias no final da guerra de 1950-1953. Os últimos reencontros ocorreram em 2010, com a mediação da Cruz Vermelha.

Neste momento, na Coreia do Sul existem mais de 70 mil pessoas registadas na lista de quem perdeu familiares durante a guerra das Coreias.