Última hora

Última hora

Irmandade Muçulmana apela a mais protestos no Cairo

Em leitura:

Irmandade Muçulmana apela a mais protestos no Cairo

Irmandade Muçulmana apela a mais protestos no Cairo
Tamanho do texto Aa Aa

É esperada uma nova jornada de protestos no Egito. A situação de crise intensifica-se de dia para dia. Os bancos e lojas abrem as portas novamente, mas a normalidade aparente pode ser efémera, uma vez que a Irmandade Muçulmana anunciou novas manifestações, a terem lugar ao longo da tarde, marchas provenientes de diferentes mesquitas que se dirigem até ao edifício do Tribunal Constitucional.

Voxpop, Mohamed Ramadan: “O que a Irmandade Muçulmana está a fazer não é certo. Arruinaram tudo, até mesmo a mesquita, que pertence a Deus, não é correto que mesmo as casas de Deus sejam tratadas desta maneira. Que Deus proteja o Egito, a juventude e o exército.”

Voxpop: “Lamento por estes acontecimentos sangrentos no Egito, não entendo aqueles que não querem que o Egito ultrapasse esta crise, sejam eles da Irmandade Muçulmana ou contra, qualquer um que apoie a instabilidade das Nações Unidas no país deve ser punido.”

A União Europeia, por seu lado, anunciou que vai rever as relações com o Egito e tomar medidas tendo em vista “o fim da violência, a retomada do diálogo político e o regresso do processo democrático” no país.