Última hora

Última hora

Missão da ONU que vai investigar uso de armas químicas chegou à Síria

Em leitura:

Missão da ONU que vai investigar uso de armas químicas chegou à Síria

Tamanho do texto Aa Aa

A missão da ONU responsável por investigar o uso de armas químicas na Síria chegou este domingo a Damasco, após vários atrasos por causa de problemas logísticos.

A equipa passou a fronteira com o Líbano a caminho de capital síria, onde vai ficar alguns dias até começar as investigações no terreno, para perceber se tanto do lado das forças do regime como do lado rebeldes estão a ser utilizadas armas quimicas.

Entretanto, em vários pontos do país continuam a registar-se confrontos. Nas últimas horas, os mais intensos ocorreram perto de Damasco e na província de Idlib.

E para além do drama das vítimas mortais, a Síria lida, de forma cada vez mais intensa com o drama dos refugiados.
Cerca de 17 mil pessoas podem ter deixado o país rumo ao Curdistão Iraquiano, de acordo com o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados. Um crescimento que ainda não tem explicação concreta, para além da guerra que já dura há quase dois anos e meio.

Recorde-se que já saíram da Síria, desde o início dos confrontos entre os rebeldes e as forças de Bashar al-Assad, mais de 2 milhões de pessoas, para além dos mais de 100 mil mortos contabilizados.