Última hora

Última hora

Hungria: Descola nova companhia aérea

Em leitura:

Hungria: Descola nova companhia aérea

Tamanho do texto Aa Aa

A Hungria tem uma nova companhia aérea. A Solyom começa a operar voos charter em setembro e a realizar voos próprios para 22 destinos em outubro.

A Solyom foi criada por três empresários húngaros, que dizem ter acesso a financiamento de Omã e Emirados Árabes Unidos. O objetivo é ocupar o espaço deixado vago pela falência da companhia aérea húngara no ano passado, embora uma parte das ligações da Malev já tenha sido recuperada, por exemplo, por companhias internacionais de baixo custo.

Apesar da forte concorrência e do contexto económico pouco favorável na Europa, a Solyom pretende ter 13 aparelhos até ao final de 2013 e 1500 funcionários no prazo de um ano.