Última hora

Última hora

Índia: Banco Central tenta parar queda da rupia

Em leitura:

Índia: Banco Central tenta parar queda da rupia

Tamanho do texto Aa Aa

Face à forte desvalorização da rupia e da bolsa, o Banco Central indiano interveio para estabilizar os mercados. A instituição anunciou que vai comprar dívida soberana e vendeu massivamente dólares no mercado cambial.

Se as obrigações indianas registavam a melhor sessão em quatro anos, a rupia essa recuou mais 2% e atingiu um novo mínimo histórico de 64,5 rupias e meia por dólar.

Segundo Kelvin Tay, analista no UBS Wealth Management, “o Banco Central e o governo indianos têm de mostrar consistência e credibilidade nas políticas que implementarem para resolver o problema. À medida que os dias passam, a rupia indiana desvaloriza e estão a ficar sem soluções”.

Desde o início de agosto, a rupia perdeu 10% do valor e entre o final de maio e meados de julho saíram do país mais de 12 mil milhões de dólares em capitais.

Isto porque, a Reserva Federal norte-americana evocou um eventual fim para o programa de estímulos e o banco central da Índia restringiu a saída de capitais do país.

As medidas não puseram fim à desvalorização da rupia e à subida das taxas de juro da dívida. Pelo contrário. revelou-se uma pressão suplementar para a economia indiana que, no ano passado, registou um crescimento de 5%, o mais baixo numa década.

Os investidores temem agora ver endurecer ainda mais regras para retirar capitais do país e consideram que as autoridades não estão a fazer o necessário para controlar o défice da balança corrente, que deverá atingir os 3,8% no segundo trimestre.