Última hora

Em leitura:

Ameaças da Rússia contra a Ucrânia condenadas por eurodeputados


A redação de Bruxelas

Ameaças da Rússia contra a Ucrânia condenadas por eurodeputados

O Parlamento Europeu deverá, em breve, votar uma resolução que critica a Rússia por ameaçar a Ucrânia com retaliações comerciais caso o país assine um acordo de associação com a União Europeia (UE), em Novembro.

O presidente da comissão parlamentar de Negócios Estrangeiros, Elmar Brok, realçou que “a decisão de assinar um acordo com a UE cabe apenas a Kiev, não a Moscovo ou a Bruxelas. Estamos todos de acordo quanto a isso nesta comissão parlamentar. E, portanto, este comportamento da Rússia é totalmente inaceitável”.

No debate, em Bruxelas, estiveram dois membros da oposição ucraniana. Apoiam o afastamento da Rússia e a aproximação ao Ocidente, sobretudo pela pressão para que o governo faça uma reforma judicial e política.

Vitali Klitschko afirma que “a Ucrânia deve assinar o acordo de associação com a UE. Compreendo que esteja em debate a libertação ou não de Yulia Tymoshenko. Mas, a responsabilidade por essa questão está, neste momento, nas mãos do poder executivo” .

O político refere-se à ex-primeira-ministra presa por fraude e abuso de poder. A UE considera-a vítima de perseguição política e exige que seja libertada antes do acordo ser assinado.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

A redação de Bruxelas

UE medeia diálogo para assegurar eleições municipais no Kosovo