Última hora

Última hora

EUA: Bombeiros controlam 20% do incêndio na Califórnia

Em leitura:

EUA: Bombeiros controlam 20% do incêndio na Califórnia

Tamanho do texto Aa Aa

Na Califórnia, nos Estados Unidos já arderam mais de 60 mil hectares de floresta.
Num incêndio que entra agora no décimo primeiro dia, as chamas lavram já no Parque Nacional de Yosemite, um dos mais visitados dos Estados Unidos.
Os quase 4 mil bombeiros que estão nesta altura no terreno, com a ajuda de meios aéreos, controlam 20% da enorme frente do fogo que se estende ao longo de dezenas de quilómetros.
O tempo seco, quente e os ventos muito fortes têm estado da dificultar a tarefa dos bombeiros mas para os próximos dias são espereradas condições mais favoráveis para o combate às chamas.

Este incêndio pode ter consequências não só a médio como a longo prazo, como explica o porta-voz do parque, Tom Medema: “quando as chamas chegam a uma área que já não ardia há muito tempo, a matéria combustível está tão seca e tão espessa que o fogo ganham muita intensidade e queima a terra. Os solos ficam tão destruídos que não voltam a ganhar nutrientes tão cedo.”

O incêndio está também a ter consequências ao nível do abastecimento de água e luz na região, principalmente em São Francisco: as cinzas estão a cair num reservatório que abastace 85% da água da cidade. Por isso, as águas já estão a ser filtradas. Além disso, duas hidroelétricas que fornecem energia a São Francisco também foram fechadas.
O governador do estado já declarou o estado de emergência. Este é já considerado um dos 20 maiores fogos da história da Califórnia.