Última hora

Última hora

Reino Unido condena Síria no Conselho de Segurança da ONU

Em leitura:

Reino Unido condena Síria no Conselho de Segurança da ONU

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro britânico David Cameron anunciou que o Reino Unido vai apresentar esta quarta-feira ao Conselho de Segurança da ONU uma resolução de “condenação do ataque químico” ocorrido na Síria e “autorizando as medidas necessárias para proteger os civis”.

Por seu lado, o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-Moon, apelou a uma resolução diplomática, ao invés da via militar, e pediu tempo para que os inspetores da ONU possam concluir o seu trabalho.

Para o Irão, uma intervenção militar estrangeira na Síria será um desastre para a região.

“Essa atitude irresponsável trará o caos à região e os países ingénuos serão consumidos pelas chamas”, disse Ali Arijani, presidente do Parlamento iraniano.

O exército Israelita elevou o nível de alerta junto à fronteira com a Síria nos Montes Golã e colocou todos os sistemas de mísseis defensivos em “stand by” para serem ativados caso Damasco retalie uma eventual intervenção militar internacional.