Última hora

Em leitura:

Colômbia: Tribunal Constitucional aprova participação de ex-guerrilheiros das FARC na política


Mundo

Colômbia: Tribunal Constitucional aprova participação de ex-guerrilheiros das FARC na política

O Tribunal Constitucional de Bogotá aprovou esta quarta-feira a proposta de reforma da Carta Magna que deve permitir aos guerrilheiros das Forças Revolucionárias da Colômbia que abandonem as armas, participar na vida política do país.

A decisão, que tinha sido aprovada pelo Congresso no ano passado, teve recebeu o voto positivo de sete dos nove magistrados do Constitucional.

De qualquer forma, o tribunal esclareceu ainda é necessário que sejam cumpridas algumas exigências, como o “fim do conflito armado” e a entrega das armas. Além disso, devem ser investigados e julgados os crimes contra a humanidade.

O presidente colombiano Juan Manuel Santos acredita que “este é um passo importantíssimo para para chegar um país em paz”. Recorde-se que Santos tem mantido reuniões frequentes em Cuba com os responsáveis das FARC para negociar o fim do conflito.

Além disso, o presidente colombiano declarou-se disposto a iniciar um diálogo de paz com outra guerrilha, o Exército de Libertação Nacional. O ELN libertou um refém canadiano, o geólogo Gernot Wobert, que estava em cativeiro há sete meses, cumprindo uma das exigências do governo para iniciar as negociações.