Última hora

Última hora

Mexicanos na rua contra privatização de petrolífera

Em leitura:

Mexicanos na rua contra privatização de petrolífera

Tamanho do texto Aa Aa

No México, este é um fim de semana de protestos contra o projeto de privatização da petrolífera Pemex.

Uma marcha pelas ruas da capital, Cidade do México, juntou vários milhares de pessoas. O principal alvo das críticas é o presidente Enrique Peña Nieto.

A marcha foi convocada por uma das grandes figuras da esquerda mexicana, Cuauhtémoc Cárdenas.

O ator Daniel Giménez Cacho foi um dos oradores na marcha: “Modernizar a indústria do petróleo e da energia, fazer com que ela reforce a nossa independência, não requer mudar a constituição, nem fazer com que o governo desista das atividades produtivas”, disse.

A produção energética no México caiu cerca de um quarto, nos últimos dez anos, devido à falta de modernidade da Pemex, daí o projeto de privatizar a companhia e abrir a exploração do petróleo aos privados.

Mas a oposição contesta este projeto e defende outra via, que não implica privatizar a Pemex. A companhia dá emprego a cerca de 138 mil pessoas.