Última hora

Última hora

Alemanha: Empate técnico no debate pré-eleitoral entre Merkel e Steinbruek

Em leitura:

Alemanha: Empate técnico no debate pré-eleitoral entre Merkel e Steinbruek

Tamanho do texto Aa Aa

O único debate televisivo da campanha eleitoral para as legislativas de 22 de setembro na Alemanha reuniu 17,5 milhões de alemães frente ao pequeno ecrã. Um verdadeiro recorde.

Angela Merkel e Pier Steinbruek, o líder da oposição, falaram do euro, de política fiscal, da espionagem americana mas, segundo a imprensa, nenhum dos dois sobressaiu.

Para o cabe4a de lista dos liberais que governam em coligação com os democratas cristãos “ficou claro uma vez mais que os sociais democratas do SPD não são alternativa e a chanceler descreveu da melhor melhor maneira o trabalho feito pela coligação cristã-liberal”.

A lider dos Verdes, Claudia Roth, tem obviamente outra opinião e, numa altura em que todos apostam em mais uma vitória da direita, considera que nada está perdido:

“O duelo mostrou que tudo é possível, nada está decidido. Que os Verdes são necessários e que há ideias antiquadas. A ecologia e as alternativas energéticas, a proteção ambiental e o clima, nem sequer estão a ser discutidas”, afirma.

Mais do que os assuntos em debate, o que despertou a atenção dos espetadores foi o colar de Angela Merkel. Nas redes sociais não se falava de outra coisa, com milhares de pessoas a tecerem considerações sobre o adereço escolhido pela chanceler.

Há mesmo quem defenda que se trata de uma espécie de amuleto, já que marcou presença também na noite em Merkel ganhou a eleição em 2009.

As sondagens apontam para a recondução da chanceler da CDU para uma terceiro mandato. Quanto ao colar, as apostam vão no sentido de que termina aqui a sua carreira pública.