Última hora

Última hora

Em leitura:

Em Setembro a música clássica é rainha na Roménia


Cultura

Em Setembro a música clássica é rainha na Roménia

O Festival Internacional George Enescu é um dos grandes eventos culturais da Roménia. Durante o mês de setembro a música clássica é rainha.

Entre os destaques do cartaz, o norte-americano Cameron Carpenter, o primeiro organista a receber uma nomeação para um Grammy pelo álbum a solo “Revolutionary Etude”.

“Uma das coisas mágicas em relação aos festivais é que reúnem uma grande diversidade social e não apenas musical. O evento é um espelho das numerosas culturas e sítios do mundo que se encontram no mesmo espaço”, afirmou o organista.

Ao longo de um mês, o público poderá assistir a mais de cento e cinquento concertos em várias cidades da Roménia.

“O Festival é o ponto de encontro na Roménia do melhor do mundo da música. Juntamente com os festivais de Salzburgo, Edimburgo e Aix-en-Provence, este é o lugar onde se reúnem os melhores músicos internacionais e nacionais”, disse Ioan Holender, director do Festival.

O concerto de abertura coube à orquestra Staatskapelle de Berlin, sob a direcção do célebre Daniel Barenboim. O solista convidado, foi o romeno Radu Lupu, um dos maiores pianistas do mundo.

O Festival Internacional George Enesco é uma das grandes apostas culturais do governo romeno para a promoção internacional do país. No arranque do evento, 90% dos bilhetes estavam vendidos.

Escolhas do editor

Artigo seguinte
Aprender a ser líder

learning world

Aprender a ser líder