Última hora

Em leitura:

Nuvem negra paira sobre Cimeira do G20


Rússia

Nuvem negra paira sobre Cimeira do G20

A rutura nas relações entre Estados Unidos da América e Rússia são uma nuvem negra sobre a cimeira do G20, que decorre em São Petersburgo. Os líderes mundiais estão reunidos para discutir o estado da economia global e a reforma financeira.

Os laços entre Estados Unidos e Rússia estão como no período do pós-Guerra Fria depois do caso Snowden, das questões de direitos humanos, comércio e da crise síria. A relação entre Barack Obama e Vladimir Putin azedou a tal ponto que as autoridades dizem que não se espera que haja negociações diretas entre os dois nos próximos dois dias.

Era suposto os dois Chefes de Estado encontrarem-se esta quarta-feira, em Moscovo, mas o Presidente americano preferiu reunir com o Primeiro-ministro sueco, em Estocolmo.

Há um mês, quando cancelou o encontro, a Casa Branca fez saber que não havia suficientes progressos na agenda bilateral para a realização desta sessão.

David Shorr, da Fundação Stanley, especialista em política externa americana explica:

“A tensão vem, muito provavelmente, do caso Snowden. Tendo em consideração que, em caso idênticos, os Estados Unidos extraditaram suspeitos para a Rússia, por isso a posição russa foi vista como uma afronta.”

Quezílias à parte, espera-se que nesta reunião do G20 se debatam questões como o estado da economia global, a evasão fiscal, a regulação do setor bancário, entre outras matérias que são algumas das principais preocupações da União Europeia.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

tradução automática

tradução automática

tradução automática

Artigo seguinte

mundo

Alemanha: surto de legionela mata duas pessoas