Última hora

Última hora

Austrália: conservadores destronam trabalhistas

Em leitura:

Austrália: conservadores destronam trabalhistas

Tamanho do texto Aa Aa

Após seis anos de governo trabalhista, chegou a vez dos conservadores assumirem as rédeas do poder.

Tony Abbott é o novo primeiro-ministro. Na origem da mudança estaria a necessidade de relançamento da economia assim como o desencanto com o Partido Trabalhista e as lutas de poder internas entre Kevin Rudd e a antiga chefe do executivo Julia Gillard

“Pela sétima vez em 60 anos o governo australiano mudou. A coligação venceu por 13 assentos e com 10 ainda em jogo. Posso ainda adiantar que o voto no partido trabalhista australiano é o mais baixo em mais de 100 anos” disse o futuro primeiro-ministro, Tony Abbott.

Os resultados finais dão uma clara maioria a Abbott que conquistou 88 dos 150 assentos parlamentares.

Kevin Rudd, o primeiro-ministro cessante, admitiu a derrota.

“Chegou a altura de admitir que demos o nosso melhor mas o partido precisa de renovar a sua liderança para o futuro. Para mim,.é chegada essa altura. Por isso, não vou candidatar-me à liderança parlamentar do partido trabalhista”, afirmou Kevin Rudd.