Última hora

Última hora

"Exijam provas a Obama": a 'intervenção' de Assad no debate do Congresso dos EUA

Em leitura:

"Exijam provas a Obama": a 'intervenção' de Assad no debate do Congresso dos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente sírio volta a rejeitar ter recorrido a armas químicas e adverte os Estados Unidos para as consequências de um ataque à Síria. Numa entrevista concedida ao canal norte-americano CBS, Bashar Al-Assad afirmou que a administração Obama, “não tem provas” da implicação do regime no ataque de 21 de Agosto nos arredores de Damasco e afirma que Washington deve preparar-se para qualquer eventualidade, se decidir atacar a Síria.

“Devem estar preparados para tudo. Não apenas para uma resposta do governo, pois o nosso governo não é o único ator na região, existem diferentes atores e diferentes fações e diferentes ideologias. Há de tudo nesta região e por isso devem estar preparados para tudo, devem estar preparados para todo o tipo de ações”, afirmou Assad.

Na entrevista, Assad apela ainda ao congresso norte-americano – que deverá votar nos próximos dias a proposta para uma intervenção militar na Síria – para que exija provas concretas e “transparência” a Obama, lembrando que a Rússia, “tem provas completamente diferentes, segundo as quais os mísseis teriam sido lançados de zonas controladas pelos rebeldes”.

www.cbsnews.com