Última hora

Última hora

Lavrov e Kerry discutem crise síria

Em leitura:

Lavrov e Kerry discutem crise síria

Tamanho do texto Aa Aa

Serguei Lavrov e John Kerry, com as atenções voltadas para Nova Iorque.

Da sede das Nações Unidas podem chegar informações importantes, que permitam uma solução para a crise síria.

Os dois chefes das diplomacias mais fortes do planeta vão encontrar-se, esta quinta-feira, em Genebra, depois de os embaixadores dos cinco membros permanentes do Conselho de Segurança se terem reunido em Nova Iorque.

Ban Ki-moon, o secretário-geral da ONU, acredita no sucesso:

“Espero que as negociações em curso, sobre o arsenal de armas químicas da Síria, leve o Conselho de Segurança a desempenhar um papel eficaz, na promoção de um fim para a tragédia síria”.

No final da reunião de embaixadores, não houve qualquer declaração. Mas espera-se que tenha sido decisiva, para o encontro que hoje vai juntar Kerry e Lavrov.

“A falha de um acordo político permitiu, não só, o conflito, como o aprofundar da intransigência. Mas também o alargamento e a expansão de novos atores e de novos crimes inimagináveis”, disse o embaixador brasileiro, Paulo Pinheiro, presidente da Comissão Internacional de Inquérito.

Os Estados Unidos já têm em mãos o plano russo, para o controle internacional do arsenal químico da Síria.

O governo de Damasco, entretanto, disse que tem vontade de destruir essas armas e que isso não foi uma imposição de Moscovo.