Última hora

Última hora

Twitter quer entrar no Nasdaq

Em leitura:

Twitter quer entrar no Nasdaq

Tamanho do texto Aa Aa

O Twitter está a caminho da bolsa tecnológica de Nova Iorque. A rede social de “microblogging” anunciou ter feito o pedido às autoridades bolsistas, de forma confidencial.

A Oferta Pública Inicial (OPI) está a criar grande entusiasmo.

Com sete anos de existência, o Twitter tem 200 milhões de utilizadores regulares, que publicam o dobro de mensagens diárias, e provou que pode gerar receitas, através da publicidade, mesmo nos aparelhos móveis.

Mas o analista Ishaq Siddiqi, do ETX Capital, considera difícil saber como é que a empresa vai rentabilizar o produto. O certo é que tem boa estrutura de análise, útil para a publicidade, que pode pôr em evidência. Por isso, durante a promoção da OPI, a direção vai ter de dar argumentos de compra aos potenciais acionistas.

O Twitter tem 39 milhões de visitantes por mês, contra 167 milhões do Facebook. Mas a cada visita os utilizadores gastam no Twitter 36 minutos, contra 12 minutos no Facebook. Já em termos bolsistas, o Facebook vale 81 mil milhões de euros, dez vezes mais do que a estimativa feita para o Twitter.

Mas Juliette Garside, jornalista na área das telecomunicações, defende o eventual interesse dos investidores: “Quando se pretende influenciar outras pessoas existe o Twitter. É usado por políticos, empresários e celebridades. E os publicitários vão pagar para chegar a essas pessoas”.

O Twitter vai tentar uma entrada no Nasdaq mais suave do que a do Facebook em maio de 2012. Só em julho é que as ações regressaram aos 38 dólares, o preço de entrada em bolsa. Uma queda que arrefeceu o apetite dos investidores pelas “start-ups” tecnológicas.