Última hora

Última hora

Áustria: Caçador furtivo imolou-se quando estava cercado pela polícia

Em leitura:

Áustria: Caçador furtivo imolou-se quando estava cercado pela polícia

Tamanho do texto Aa Aa

Na Áustria, o caçador Alois Huber, que matou três polícias e um paramédico, imolou-se terça-feira na sua casa, a 90 quilómetros de Viena.

A intervenção da polícia austríaca de elite, denominada Cobra, durou cerca de cinco horas. O corpo carbonizado do caçador foi encontrado dentro de casa, num compartimento secreto.

“A polícia tentou forçar a porta e quis entrar no quarto, mas este estava em chamas. Conseguiram extinguir o fogo e encontraram o corpo calcinado de um homem”, disse o porta-voz da polícia regional.

A polícia já tinha tentado deter o caçador furtivo na segunda-feira, mas Alois Huber escapou de carro.

Segundo um jornal, o fugitivo matou um polícia e um paramédico que o tentou assistir após se ter despistado, quando fugia.

Mais tarde numa barreira policial, terá morto o segundo agente, tomou outro como refém e roubou um carro da polícia, que quando foi encontrado tinha no interior o corpo do sequestrado.