Última hora

Última hora

Turquia: Complexo da polícia atacado com "rockets" e granadas

Em leitura:

Turquia: Complexo da polícia atacado com "rockets" e granadas

Tamanho do texto Aa Aa

Um complexo da polícia nos arredores de Ancara, na Turquia, foi atacado esta sexta-feira por ‘rockets’ e granadas. Um dos autores pelo ataque foi morto pela polícia e um outro ficou ferido durante a perseguição, quando tentavam sair da cidade. Dentro dos edifícios, não há, para já, registo de vítimas.

O ataque ocorreu ao início da noite, em Dickmen. Dois edifícios, um onde funciona o comando policial e outro onde estão os serviços sociais da força de segurança, foram atingidos. De acordo com
Muammer Guler, ministro do Interior do governo de Ancara, uma outra munição foi encontrada no jardim do complexo, ainda por explodir.

Para já não há confirmação oficial sobre quem está por detrás deste atentado, mas os meios de comunicação turcos admitem os dois atiradores pertençam à Frente de Libertação Popular (DHKP-C), de extrema-esquerda. Recorde-se que o mesmo grupo assumiu a autoria dos ataques contra o edifício do Partido da Justiça e do Desenvolvimento (AKP), em março deste ano e em fevereiro do ano passado, contra a embaixada dos Estados Unidos em Ancara.