Última hora

Última hora

Rajoy exige fim de paraíso fiscal em Gibraltar

Em leitura:

Rajoy exige fim de paraíso fiscal em Gibraltar

Tamanho do texto Aa Aa

A Comissão Europeia ensaia uma tímida mediação entre Espanha e Reino Unido no conflito sobre Gibraltar, com o envio de uma missão de inspetores à fronteira entre os dois territórios.

A equipa, que deverá emitir uma recomendação dentro de um prazo indefinido, visitou, esta quarta-feira, a chamada “linha da conceção”, onde Madrid reforçou recentemente os controlos, dificultando a circulação no posto fronteiriço.

Espanha justifica o gesto como uma forma de evitar o contrabando de tabaco e a fuga de capitais.

Em Nova Iorque, o primeiro-ministro espanhol exigiu o fim do paraíso fiscal, antes e durante o seu discurso frente à assembleia geral da ONU.

“Nós não podemos ter um paraíso fiscal no meio da União Eropeia, nem um local que viola as leis ambientais, como toda a gente sabe, isto deveria fazer parte do senso comum para a União Europeia”, sublinhou Mariano Rajoy.

Na base da tensão recente está a decisão de Gibraltar de submergir vários blocos de betão e ferro em torno do rochedo, alegadamente para criar um recife artificial, impedindo, igualmente, o acesso dos pescadores espanhóis às águas sob jurisdição de Madrid.

Espanha ameaça colocar barreiras terrestres, nos próximos dias, junto à fronteira, para reforçar a luta contra o contrabando.