Última hora

Última hora

Brian Cookson eleito presidente da UCI

Em leitura:

Brian Cookson eleito presidente da UCI

Tamanho do texto Aa Aa

A União Ciclista Internacional (UCI) tem um novo presidente para os próximos quatro anos. O britânico Brian Cookson recebeu 24 votos, contra 18 para o seu adversário e acabou com o reinado do irlandês Pat McQuaid que dirigia o ciclismo profissional desde 2005.

O congresso, em Florença, no palácio que serviu de escritório a Nicolau Maquiavel, ficou marcado por uma manhã confusa e caótica por causa de uma agendada votação para alterar a constituição da UCI. O debate foi intenso mas sem resultados práticos. Ao final de cinco horas de discussão, perante a perplexidade dos jornalistas e a confusão entre os delegados, Brian Cookson disse que estava “farto” e exigiu uma votação imediata que acabou por vencer.

Ainda antes de ser eleito, num discurso ao congresso, Cookson afirmou que as suas “primeiras prioridades como presidente serão tornar completamente independentes os procedimentos contra o doping no ciclismo, sentar-se à mesa com os principais atores do desporto e trabalhar com a Agência Mundial Antidopagem para garantir uma investigação rápida à cultura do doping no ciclismo”. Desta forma, o também presidente da Federação Britânica de Ciclismo espera criar “uma plataforma sólida para restabelecer a reputação da federação internacional”.

Com o segundo mandato manchado em especial pelo escândalo de doping envolvendo Lance Armstrong, Pat McQaid mostrou-se visivelmente desagradado com a derrota na eleição para a presidência da UCI.