Última hora

Última hora

Grécia: Membros do Aurora Dourada vão ser ouvidos pelo tribunal

Em leitura:

Grécia: Membros do Aurora Dourada vão ser ouvidos pelo tribunal

Tamanho do texto Aa Aa

O líder do partido neonazi grego Aurora Dourada, Nikolaos Michaloliakos, e pelo menos mais nove partidários, vão comparecer em tribunal já na próxima terça-feira.

Os membros da extrema-direita foram detidos pela polícia, este fim de semana, pelo envolvimento na morte do cantor de hip hop e ativista de esquerda, Pavlos Fyssas. Pesam ainda, sobre eles, suspeitas de crime organizado.

No total, as autoridades emitiram 38 mandados de detenção contra a cúpula do Aurora Dourada, incluindo seis deputados.

Nas ruas, os gregos estão satisfeitos com as detenções e esperam que a justiça funcione.

“Temos de ter, finalmente, paz neste país. Isso não é possível enquanto, de vez enquando, quadrilhas andam por aí a matar, sequestrar e a criar agitação social. Na Grécia, em Atenas e no geral, as populações são boas pessoas”, esclarece este reformado.

Outra grega afirma estar “muito satisfeita e espero que levemos isto até ao fim pois há ainda um longo caminho a percorrer. O governo deve agir de imediato para acabar com este problema de uma vez por todas!”.

O Aurora Dourada apelou aos simpatizantes que se manifestassem contra as detenções que considera uma “violação da Constituição” grega e uma demonstração de “pânico” do “sistema corrupto” que teme a influência do partido.